Pular para o conteúdo principal

Fitoterapia: O uso da Valeriana Officinalis




1 – Botânica: A Valeriana é uma planta herbácea perene, pertencente à família Valerianaceae. Tem sido usada terapeuticamente desde os tempos da Roma e Grécia antigas. É largamente distribuída na Europa e Ásia. As partes usadas na medicina são os rizomas e as raízes.


2 – Química: Os principais componentes do óleo volátil extraído das suas raízes são: ácido isovalérico, valerênico, hidroxivalerênico, acetoxivalerênico; kessano, kesóis, valeranona, ...Dentre os principais valepotriatos, destacam-se: valtrato, acevaltrato e o diidrovaltrato (iridóides).


3 – Farmacologia: O uso tradicional é como planta sedativa. É difícil definir com precisão o perfil de ação farmacológica da Valeriana, que tem sido considerada um agente calmante.


A valeranona exerceu um efeito hipotensor em ratos na dose de 5mg/Kg, embora seja um efeito fraco.

Um efeito tranqüilizante foi visto no choque elétrico, mas na dosagem de 31,6mg/Kg. Uma mistura de valepotriatos mostrou um efeito tranqüilizante em ratos.


Testes comportamentais em gatos mostraram diminuir a ansiedade e a agressividade. Valepotriatos apresentaram efeito espasmolítico.


O valtrato e o diidrovaltrato mostraram ser agentes musculotrópicos.


Diidrovaltratos pareceram inibir impulsos no hipocampo de modo similar a dos benzodiazepínicos.


O ácido valerênico e derivados mostraram que estes compostos tinham efeito sedativo em termos de diminuir a atividade locomotora e ataxia (dose de 50mg/Kg).


O ácido apresenta ação depressora central ou efeito neuroléptico. Mostrou,ainda, inibir um sistema enzimático que catalisa a degradação do neurotransmissor inibitório GABA (ácido gamaminobutírico).


O GABA faz diminuir a atividade do SNC e causa sedação. O ácido valerênico é o principal constituinte da planta. Extratos hidroalcóolicos e aquosos da planta mostraram afinidade por receptores GABA-A (o extrato aquoso melhora a qualidade do sono no homem). Eles interferem nos receptores envolvidos com a condutância dos íons cloreto.


4 – Testes Clínicos: A valeriana foi usada como sedativa em várias formas de desordem nervosa, condições histéricas não-severas, ansiedade, neurastenia, distúrbios da menopausa, gastrite nervosa e anorexia infantil. A droga foi normalmente administrada meia hora antes das refeições.


Em estudo duplo-cego, a Valeriana mostrou reduzir a latência do sono e um aumento na qualidade do sono. A qualidade foi mais notada nas pessoas que se consideravam ter um sono ruim ou irregular. Foi utilizado extrato de 400mg da valeriana no teste. A valeriana não teve efeito nos despertares à noite ou nos sonhos recordados. Em 3 noites, ela mostrou melhorar a qualidade do sono.


Ao final do teste clínico, 44% das pessoas envolvidas afirmaram apresentar um sono perfeito e 89% diziam ter melhorado seu sono. Dentre os efeitos colaterais verificados com o uso crônico e contínuo da planta foram dor de cabeça, excitabilidade e insônia (como se fosse um efeito rebote).


FONTE: Revisão de texto científico de fitoterapia, volume I, XVI, N°2, de janeiro de 1995 (Valeriana officinalis: traditional use and recent evaluation of activity – MORAZZONI/BOMBARDELLI).

Comentários

  1. Ei professor...ficou muito legal o blog,as explicaçoes estao bem explicativas..muito legal essa sua ideia para ajudar as pessoas q precisam e gostam da quimica.
    brigadao ai pela força qndo preciso.
    bjuss,e sucesso aí

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário! Paz e luz!

Postagens mais visitadas deste blog

O que é EFT?

A EFT - Emotional Freedom Techniques (Técnica de Libertação Emocional) – também pode ser chamada de “Acupuntura Emocional sem Agulhas”. A técnica se baseia em descobertas realizadas pelo Dr. Roger Callahan, PhD, psicólogo norte americano que também é estudioso de acupuntura e cinesiologia aplicada. O método consiste no desbloqueio dos canais energéticos, que são chamados de meridianos, enquanto o indivíduo se sintoniza em um problema emocional ou físico. Estes são os mesmos meridianos estudados pela acupuntura e pode-se dizer que a EFT é uma “versão emocional” desta outro técnica, sem no entanto precisar do uso de qualquer tipo de agulha. O desbloqueio é realizado através de leves batidas com as pontas dos dedos nos terminais dos meridianos, enquanto o paciente está sintonizado no problema através da repetição de frases lembretes (frases que trazem a tona os sentimentos negativos que precisam ser trabalhados, e indicam ao sistema energético o que está sendo tratado). Este processo é …

Cursos Online de Terapias Holísticas

Os Cursos à distância (EAD) de Terapias Holísticas que ofereço tem como objetivo levar ao conhecimento do aluno como tratar o indivíduo como um todo, trazendo o reequilíbrio emocional, físico, mental e espiritual. 
A minha proposta de difundir tais conhecimentos começou em março de 2011 e desde então muitas pessoas se beneficiaram com este aprendizado. O primeiro curso lançado foi de Florais de Bach (em 2011), sendo que foi o primeiro também realizado em sala de videoconferência, em 2013, tendo grande sucesso. Os cursos ofertados por este site enquadram-se na categoria de CURSOS LIVRES e são legalizados, conforme Artigos 205 e 206 da Constituição Federal, Lei nº 9.394, Decreto Presidencial nº 5.154 e Normas da Resolução CNE nº 04/99 – MEC. O ensino livre a distância é a evolução do aprendizado. Através dele, proporciono a meus alunos uma formação de qualidade, adequada à realidade do mercado de trabalho, baseada em um formato totalmente inovador, com aulas em tempo real. Os Cursos são da…

Como são preparados os Florais?

Os Remédios Florais de Bach são essências de flores com vibrações que atuam diretamente sobre as emoções. As 38 flores com propridades curativas foram encontradas pelo médico inglês Dr. Edward Bach, nos anos 1930.
.
São necessárias apenas duas gotas de cada essência do frasco stock para se preparar um floral, com exceção do Rescue, onde são utilizadas quatro gotinhas.
.
Preparando um frasco de tratamento de 30 mL.
.
30% - 9 ml de brandy com 21 ml de água mineral
(validade de 30 dias)
.
20% - 6 ml de brandy com 24 ml de água mineral
(validade de 20 dias)
.
10% - 3 ml de brandy com 27 ml de água mineral
(validade de 10 dias)
.
Somente em água mineral (duração de apenas um dia).
.
Preparando Uma Fórmula De Tratamento
.
Prepare o frasco de tratamento com as diluições ideais, explicadas anteriormente,
.
Adicione duas gotas de cada floral escolhido, ou quatro gotas do Rescue, se for utilizá-lo,
.
Tomar quatro gotas, quatro vezes ao dia.
.
É importante lembrar.
.
O ideal é utilizar no máximo seis florais em…