Pular para o conteúdo principal

O uso dos óleos essenciais na Aromaterapia


O tratamento através de plantas e cheiros é muito antigo, não se pode precisar a primeira extração por destilação dos chamados óleos essenciais. Provavelmente esse fato aconteceu no período posterior ao dilúvio, de acordo com as escrituras hebraicas. Os óleos essenciais são compostos extraídos diretamente das plantas, e que são considerados a essência concentrada delas, possuem pouca ou nenhuma substância oleosa e carregam o aroma e as propriedades da planta específica. Podem ser incorporados no seu dia-a-dia, trazendo vários benefícios para sua saúde física, mental e emocional. Por serem concentrados, o seu efeito é mais pronunciado que o uso da planta inteira ou o seu extrato. Existe uma diferença marcante na composição química dos óleos essenciais naturais e de essências sintéticas. As essências sintéticas não possuem nenhuma propriedade terapêutica, logo, não devem ser usadas em tratamentos de doenças físicas, mentais e emocionais. O uso de sintéticos pode, além de não resolver o problema, ocasionar sérias intoxicações, por isso não servem de auxílio para a Aromaterapia e para as terapias alternativas.

A Aromaterapia, ou a cura com óleos essenciais através da aplicação do olfato pela inalação e através da aplicação dessas substâncias voláteis terapêuticas, remonta a épocas antigas. Os óleos aromáticos eram usados pelos egípcios, gregos e romanos. Atualmente a Aromaterapia que definimos como o tratamento com os óleos essenciais, está voltando com toda a força. Mas o que vem a ser essa essência intangível extraída de material vegetal chamado óleo essencial? É o coração e a alma da planta. É a essência que não deixa os insetos polinizadores. É o componente químico contido nas pequenas células das plantas que é liberado durante o processo de destilação. Muitos ciêntistas europeus e norte-americanos estão explorando o poder desses óleos essenciais, pesquisando as receitas e fórmulas outrora esquecidas, muito populares no final da década de 30.

Os óleos essenciais são odoríferos e altamente voláteis (evaporam rapidamente quando expostos ao ar). São muito diferentes dos óleos gordurosos, e têm uma consistência mais aquosa do que oleosa. Sua constituição química é complexa, embora geralmente contenham álcoois, ésteres, cetonas, aleídos e cloroplastos da folha. Os óleos estão presentes na forma de gotículas num grande número de plantas, especialmente aquelas usadas devido às suas propriedades culinárias e medicinais. Podem ser encontrados em raízes (gengibre), folhas (tea tree), flores (lavanda), cascas de árvore (canela), cascas de frutas (laranja) e resinas.

Os óleos essenciais são geralmente extraídos por destilação. Outros métodos são empregados, sendo mais comum a extração por solventes voláteis.

Fonte: http://www.phytoterapica.com.br/oleos_essenciais.php
.

Comentários

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário! Paz e luz!

Postagens mais visitadas deste blog

Cursos Online de Terapias Holísticas

Os Cursos à distância (EAD) de Terapias Holísticas que ofereço tem como objetivo levar ao conhecimento do aluno como tratar o indivíduo como um todo, trazendo o reequilíbrio emocional, físico, mental e espiritual. 
A minha proposta de difundir tais conhecimentos começou em março de 2011 e desde então muitas pessoas se beneficiaram com este aprendizado. O primeiro curso lançado foi de Florais de Bach (em 2011), sendo que foi o primeiro também realizado em sala de videoconferência, em 2013, tendo grande sucesso. Os cursos ofertados por este site enquadram-se na categoria de CURSOS LIVRES e são legalizados, conforme Artigos 205 e 206 da Constituição Federal, Lei nº 9.394, Decreto Presidencial nº 5.154 e Normas da Resolução CNE nº 04/99 – MEC. O ensino livre a distância é a evolução do aprendizado. Através dele, proporciono a meus alunos uma formação de qualidade, adequada à realidade do mercado de trabalho, baseada em um formato totalmente inovador, com aulas em tempo real. Os Cursos são da…

Curso Online de Terapia Floral de Bach

CURSO DE FORMAÇÃO EM TERAPIA FLORAL DE BACH 1. Apresentação Denominam-se “Remédios Florais de Bach” a série de 38 infusões naturais extraídas de flores silvestres da região de Gales, Grã-Bretanha, cujas propriedades curativas foram descobertas pelo médico Edward Bach entre os anos de 1926 e 1934. Os florais atuam transformando estados mentais e emocionais negativos em positivos. De uma maneira simples e eficaz, podemos transformar sentimentos como o medo, ansiedade, estresse, solidão, dentre outros, em virtudes opostas, como coragem, segurança, paz, felicidade e assim por diante. A profissão de Terapeuta Floral é definida pelo Governo Brasileiro, de acordo com a Comissão Nacional de Classificação (CONCLA) como Serviços de Terapia Floral, Código nº 8690-9/01, Atividades de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde Humana.
2. Público Alvo Este curso é indicado para terapeutas, estudantes, profissionais da área da saúde que buscam uma nova área de trabalho em Terapia Floral ou para qual…

O poder dos óleos essenciais

1. O óleo essencial de lavanda é um calmante natural que tem potencial efeito regulador do sistema nervoso. Combate insegurança, carência afetiva e insônia e é superseguro para ser usado em crianças e bebês. Pingue 05 gotas deste óleo essencial em 20 mL de óleo vegetal de semente de uva e massageie o abdome dos pequenos para aliviar cólicas e nervosismo ou ainda pingue 02 gotas do óleo essencial na água do banho para o mesmo efeito.


2. Ylang-Ylang resulta num óleo de essência afrodisíaca, estimulante dos sentidos.
Seu aroma floral é muito agradável. Cria uma atmosfera de romance que enternece o coração e facilita a expressão da afetividade. Ajuda bastante em casos de choque, pânico e depressão pós-parto aliviando as constrições da alma e reconfortando as mágoas.
Para uma noite terapêutica, pingue 01 gota no travesseiro e 01 gota nos lençóis. Relaxe e aproveite!


3. O alecrim veio do mediterrâneo. Seu nome de origem latina, 'rosmarinus', significa "orvalho do mar", pois …